6 museus para conhecer em Santa Catarina

Santa Catarina é um estado rico em museus e com opções para todos os gostos

Para quem gosta de conhecer os patrimônios históricos e culturais dos lugares visitados, Santa Catarina oferece uma gama de possibilidades. O estado possui atualmente 229 museus mapeados pelo Cadastro Nacional de Museus e distribuídos em mais de 100 municípios.

Museu Histórico de Itajaí – Foto: iStock/DivulgaçãoMuseu Histórico de Itajaí – Foto: iStock/Divulgação

E há museu para todos os gostos: científicos, antropológicos, arqueológicos, históricos, de embarcações, apenas para citar alguns exemplos. Selecionamos seis opções com diferentes temas para quem gosta de embarcar em viagem cultural pelo estado.

O Museu Histórico de Itajaí, anexo ao Palácio Marcos Konder, é um ícone arquitetônico na paisagem da cidade com sua estrutura feita em brise soleil. No interior, o visitante que percorre as diversas salas tem à disposição equipamentos interativos que ajudam a contextualizar o objeto com a história.

Museu Nacional do Mar, em São Francisco do Sul – Foto: Gecom | Prefeitura Municipal de São Francisco do Sul/DivulgaçãoMuseu Nacional do Mar, em São Francisco do Sul – Foto: Gecom | Prefeitura Municipal de São Francisco do Sul/Divulgação

Considerado modelo no estado, no acervo é possível conhecer aspectos sobre a imigração, a religiosidade, a arquitetura, o espaço marítimo, entre outros temas. Para quem estiver em São Francisco do Sul, o Museu Nacional do Mar – Embarcações Brasileiras é parada obrigatória. Inaugurado em 1992, o espaço oferece um verdadeiro tesouro do patrimônio naval brasileiro.

As 18 salas temáticas abrigam uma grande diversidade de embarcações de várias regiões do país. Além de 91 barcos em tamanho natural, o visitante também encontra 150 peças de modelismo e artesanato naval, além de obras raras, fotografias, desenhos e cartas. Ainda com a temática ligada ao mar, em Imbituba está o Museu da Baleia, único do gênero na América do Sul.

Fundado em setembro de 2003, na praia do Porto, por meio de mapas, ilustrações, painéis interpretativos e artefatos preservados, o visitante é conduzido ao período da matança indiscriminada dos animais e à luta por sua proteção. No prédio que abriga o museu funcionava a última estação baleeira do Sul do Brasil que fechou as portas em 1973.

Em Blumenau, o famoso Museu de Ecologia Fritz Müller abriga a inestimável obra do naturalista e botânico alemão que morou na cidade entre 1852 e 1897. São mais de quatro mil itens que mostram com clareza a fauna e flora local, além de abordar os diferentes ecossistemas da região Sul do país. No acervo estão insetos, animais taxidermizados ou conservados em meio líquido, fósseis, ossos, minerais, além de pertences do cientista. O museu abriu as portas em 1936 e fica na bela casa enxaimel construída em 1856, residência para Fritz Müller e a família.

Explore mais conteúdos da cidade