Moacir Pereira

moacir.pereira@ndmais.com.br Notícias, comentários e análises sobre política, economia, arte e cultura de Santa Catarina com o melhor comentarista politico de Santa Catarina. Fundador do Curso de Jornalismo da UFSC. Integrante da Academia Catarinense de Letras e do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina, é autor de 53 livros publicados.


Beto Barreiros: ‘Novos turistas são educados e tem mais poder aquisitivo’

Dono do Box 32 analisa o perfil dos milhares de visitantes que passam o reveillon na Ilha

Há 37 anos, quando o empresário Roberto Barreiros Filho instalou um bar diferenciado no Mercado Público, o Box 32 é referência nacional e internacional. Tornou-se parada obrigatória de turistas do Brasil e do exterior. E termômetro sobre o turismo na Ilha de Santa Catarina.

Nesta entrevista, Beto Barreiros avalia a nova temporada.

Prêmio ADVB-SC, Beto tem o termômetro do turismo – Foto: Moacir PereiraPrêmio ADVB-SC, Beto tem o termômetro do turismo – Foto: Moacir Pereira

Qual sua avaliação sobre este início de temporada?

É extremamente positiva.  Pela primeira vez, estamos vendo um turista que, normalmente, iria viajar para o exterior. Agora, este turista está descobrindo o próprio Brasil, que ele desconhecia.  São pessoas com excelente poder aquisitivo, muito educadas, mostrando felicidade por estarem em Florianópolis.  A cidade vive, portanto, um momento especial, muito positivo.

Este movimento é só no Mercado Público Municipal?

Não!  É geral em toda a cidade.  A Ilha melhorou muito em diferentes aspectos.  Você pode pedir porção de ostras em casa, tem quem faça salmão defumado para pronta entrega e outros serviços.  Houve um crescimento importante no setor de serviços.

A gastronomia também melhorou muito após a pandemia, não?

Sem dúvida.  Houve aprimoramento e muitas pessoas vieram de outras cidades para a Capital.  No mundo inteiro, a gastronomia vem em primeiro lugar na expansão do turismo, e depois a hotelaria.  A gastronomia é precursora da atividade. A qualificação de nossa gastronomia é top: temos cozinha asiática, brasileira, francesa, japonesa, portuguesa, vegetariana, etc. Tem para todos os gostos.

O que falta para melhorar o turismo?

Um pouco mais de cuidado com a mobilidade.  Dar mais informações sobre o horário de pico, horas de ir e volta para as praias, estender os horários para evitar congestionamentos.  Enfim, oferecer mais conforto para os turistas.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...