Com shows cancelados, Florianópolis mantém queima de fogos no Réveillon

Queima de fogos para virada do ano de 2021 para 2022 está programada para ocorrer na Beira-Mar Norte e na Ponte Hercílio Luz

A nova portaria do governo do Estado que trata dos eventos de grande porte em Santa Catarina gerou dúvidas quanto à realização das festas de Réveillon. Florianópolis confirmou no início desta semana o cancelamento dos shows na virada do ano de 2021 para 2022.

Com shows cancelados, Florianópolis mantém queima de fogos no Réveillon – Foto: Cristiano Andujar/PMF/NDCom shows cancelados, Florianópolis mantém queima de fogos no Réveillon – Foto: Cristiano Andujar/PMF/ND

Mas, por ora, a queima de fogos na Beira-Mar Norte está mantida, conforme informou o superintendente de Turismo da Capital, Vinicius de Lucca Filho, nesta quinta-feira (2).

De acordo com o superintendente, a pasta analisa a portaria emitida pela Secretaria de Estado da Saúde para verificar se o evento se adapta aos protocolos.

“Estamos estudando a portaria e dialogando com o Estado para entender todos os pontos. Planejamos um Réveillon sem palco. Vamos ver se o formato enquadra-se ou não na portaria”, disse de Lucca.

O superintendente afirmou que a queima de fogos vai se concentrar na Beira-Mar Norte e na Ponte Hercílio Luz. Não há eventos programados para os bairros na virada de ano.

Quanto ao Carnaval, o superintendente argumentou que ainda é cedo para tratar da data. “Está longe ainda. Mais para frente poderemos ter alguma novidade ou mudança por parte do governo do Estado”.

Programação de Natal

A tradicional Cerimônia de Acendimento das Luzes e Abertura da Programação Oficial do Natal da Virada será realizada a partir das 19h desta quinta, no Largo da Catedral, no Centro de Florianópolis.

Um espaço, em frente à Catedral Metropolitana, será cercado para o controle e exigência do passaporte da vacinação, seguindo o protocolo estadual “Evento Seguro”.

Só poderão acessar este espaço os adultos com 18 anos ou mais, totalmente imunizados contra a Covid-19 e adolescentes de 12 a 17 anos com ao menos, a primeira dose.

Réveillon pelo Estado

Laguna, no Sul catarinense, estuda um novo formato para a realização do Réveillon, marcado para ocorrer na praça Seival, após a divulgação da portaria do governo do Estado. Segundo o secretário municipal de Turismo e Lazer, José Mello Júnior, o município está buscando uma solução.

“No momento, estamos estudando a melhor forma de fazer o Réveillon, que contemple tanto os lagunenses e os visitantes, quanto aquilo que o Estado permite”, disse o secretário.

Por enquanto, Blumenau mantém confirmada a queima de fogos para o Réveillon. O prefeito Mário Hildebrandt afirmou que, mesmo mantido o show pirotécnico de 6 minutos, não haverá apresentação musical. O Natal em Blumenau também deve sofrer alterações para se adaptar ao novo decreto estadual. O prefeito ressalta que as decisões ainda podem mudar.

Já a prefeitura de Itajaí decidiu cancelar a programação de Réveillon, que prometia receber mais de 50 mil pessoas. São Francisco do Sul, no Litoral Norte do Estado, também cancelou o show com bandas locais que estava previsto para dia 31 de dezembro.

Capitais cancelam Réveillon

Pelo menos outras 13 capitais brasileiras, além de Florianópolis, decidiram não fazer festa ou shows de Réveillon na virada de 2021 para 2022.

A maior parte delas comunicou a decisão nos últimos dias em razão do avanço da variante do vírus da Covid-19 surgida na África do Sul, a Ômicron. Testes já confirmaram que brasileiros foram infectados com a nova cepa, que causa apreensão em cientistas de todo o mundo.

Veja as cidades onde não haverá a festa ou que tiveram os principais eventos, como shows, cancelados:

  • Aracaju;
  • Belém;
  • Belo Horizonte;
  • Brasília;
  • Campo Grande;
  • Curitiba;
  • Fortaleza;
  • João Pessoa;
  • Macapá;
  • Palmas;
  • Recife;
  • São Luís;
  • Teresina.

*Com informações do Portal R7

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Turismo

Loading...