Feriado pode marcar retomada do turismo no Médio Vale

Segmento acredita que muitas pessoas viajarão sem planejamento, o que pode fazer o movimento durante o feriado superar as expectativas

Um dos segmentos mais afetados pela pandemia do novo coronavírus, o turismo vê no feriado da Independência uma oportunidade para iniciar a recuperação gradual na economia.

Pomerode atraí turistas de todo país – Foto: Reprodução / NDTV Blumenau

De acordo com a presidente do Sihorbs (Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Blumenau e Região), Tatiana Honczaryk, a ocupação da rede hoteleira no Médio Vale ainda é tímida, mas está melhorando. “Esse é o começo da retomada do setor turístico”, analisa.

Para este 7 de setembro, parte dos hotéis já apresentam uma movimentação interessante, na avaliação da entidade. Enquanto outros estão praticamente vazios.

Pomerode, Timbó e Indaial devem ser os principais destinos dos visitantes. “O turista está buscando alternativas para sair de casa e, principalmente, curtir a natureza que essas cidades oferecem”, explica Honczaryk.

Também se acredita que muitas pessoas viajarão sem planejamento, o que pode fazer o movimento durante o feriado superar as expectativas. Além disso, muitos turistas de Curitiba são aguardados, já que por lá também é feriado no dia 8.

Movimentação na Vila Germânica aumenta

O poder público também já observa uma melhora gradual no cenário turístico da região. De acordo com o secretário Municipal de Turismo e Lazer de Blumenau, Marcelo Greuel, o movimento na Vila Germânica, que até então era baixo, tem aumentado nos últimos dias. “Da mesma forma que o setor turístico foi duramente atingido durante a pandemia, ele vai se recuperar rápido também”, diz o secretário.

Vila Germânica registra aumento de visitantes – Foto: Reprodução / NDTV Blumenau

Normas para setor hoteleiro

A portaria que estabelece normas para funcionamento de hotéis em Santa Catarina publicada pelo Estado prevê que:

  • Os estabelecimentos só podem operar com 50% da capacidade total;
  • Devem disponibilizar álcool gel para uso dos clientes na recepção, nas portas dos elevadores e nos corredores de acesso aos quartos;
  • O serviço de governança deverá intensificar a higienização dos quartos e banheiros com desinfecção das superfícies com álcool 70% ou sanitizantes de efeito similar, além da limpeza de rotina;
  • Ao final da estadia do hóspede deverá ser realizada limpeza e desinfecção completa do quarto e superfícies, antes da entrada de novo hóspede;
  • Todos os trabalhadores deverão usar máscaras de tecido não tecido (TNT) ou tecido de algodão durante todo seu turno de serviço, independentemente de estarem em contato direto com o público.
+

Turismo