Prefeito eleito de Navegantes quer acabar com o Navegay

Tema fazia parte da proposta de governo de Liba Fronza (DEM). Navegay é um dos maiores blocos de sujos do país e tradicional no Carnaval da cidade

Um dos maiores blocos de sujos do país, o Navegay, não deve mais acontecer em Navegantes a partir de 2021. O prefeito eleito do município, Liba Fronza (DEM) anunciou ainda que a realização do Carnaval do próximo ano ainda não está confirmada, devido a pandemia de Covid-19.

Prefeito eleito de Navegantes quer acabar com o Navegay, um dos maiores blocos de sujos do país. – Foto: Divulgação/Prefeitura de NavegantesPrefeito eleito de Navegantes quer acabar com o Navegay, um dos maiores blocos de sujos do país. – Foto: Divulgação/Prefeitura de Navegantes

De qualquer forma, o Navegay deve passar por mudanças. De acordo com o prefeito, não há justificativa em uma estrutura gigante de atendimento médico emergencial para os foliões, enquanto “moradores de nossa cidade estão a espera de uma consulta ou exame por mais de anos. Precisamos equilibrar essa balança”, citou o prefeito eleito em uma publicação nas redes sociais.

Segundo o secretário de turismo de Navegantes, Fernando Cardoso de Souza, em 2020, os quatro dias de Carnaval, foram gastos mais de R$ 332 mil, entre segurança privada, grades e atendimento médico para os foliões.

“No Navegay, devido a um TAC (Termo de Ajuste de Conduta) com o MP (Ministério Público) e Polícia Militar, o Município deveria disponibilizar uma estrutura maior, como maior número de segurança privada, banheiros químicos e grades de proteção”, explica o secretário.

O Navegay é o destaque no Carnaval navegantino desde 1978, quando teve sua primeira edição. No Navegafolia 2020, na 42º edição, cerca de 200 mil pessoas aproveitaram a festa.

Acesse e receba notícias de Navegantes e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Turismo