SC europeia: conheça Pomerode, a cidade mais alemã do Brasil

Ao todo, são mais de 200 imóveis tombados em Pomerode que preserva até hoje a cultura germânica dos imigrantes

Seja bem-vindo à cidade mais alemã do Brasil. A pequena Pomerode, localizada no Médio Vale do Itajaí, encostada em Blumenau, possui a maior concentração de casas em estilo enxaimel fora da Alemanha: são mais de 200 imóveis tombados pela união, pelo município e pelo Estado de Santa Catarina. Mas a preservação da cultura germânica vai muito além de sua arquitetura.

Pomerode conserva e promove de fato uma imersão nas tradições, hábitos e costumes dos imigrantes que ocuparam as margens do Rio do Testo, como uma expansão da colônia Blumenau.

A prática do tiro, que chegou à região com os primeiros alemães, é preservada ainda hoje pelos 15 clubes da cidade que proporcionam vida social e lazer para seus associados. Somam-se a eles os grupos folclóricos de danças germânicas e as festas típicas, como a Festa Pomerana.

A língua alemã, ainda falada por boa parte de seus moradores, busca ser preservada pelas escolas bilíngues da cidade, que alfabetizam as crianças em alemão.

Em Pomerode é possível viver de fato as tradições e costumes por meio de uma série de rotas (dos museus, das raízes germânicas, do enxaimel, do imigrante e da colonização) onde se visitam espaços vivos de memória, da culinária, da vida rural do povo pomerano.

Explore mais conteúdos da cidade