Timbó, um município com estrutura para grandes eventos

Calendário de Timbó movimenta região a cada período do ano, com destaque para cultura, esportes e contemplação de suas belezas naturais

Festa do Imigrante ocorre no calendário de outubro na cidade – Foto: Divulgação/Turismo TimbóFesta do Imigrante ocorre no calendário de outubro na cidade – Foto: Divulgação/Turismo Timbó

Timbó, mesmo sendo um município interiorano, é conhecido por promover diversos eventos, que atraem públicos de diferentes regiões de Santa Catarina e do Brasil.

Essa ascensão de visitantes só é possível graças aos departamentos de Cultura e Turismo, que não medem esforços no planejamento e na execução de novos eventos, que recebem também todo o carinho e acolhimento da população, que prestigia e colabora nas movimentações.

Na ShowMe você encontra as melhores informações sobre turismo nas rotas por Santa Catarina. Agora é a vez de saber mais sobre o calendário de eventos de Timbó.

Mesmo em tempos de alterações e até mesmo de cancelamentos de eventos por causa da pandemia, vale ressaltar a estrutura existente para os grandes eventos em Timbó.

Cada período do ano tem seus atrativos, que devem retornar com força total, assim que as condições sanitárias forem favoráveis.

Aprecie os principais pontos do Calendário de Eventos de Timbó:

Janeiro com descobertas sobre o passado

Museu da Música é uma das atrações do projeto ‘Férias nos Museus’ – Foto: Diego MengardaMuseu da Música é uma das atrações do projeto ‘Férias nos Museus’ – Foto: Diego Mengarda

O ano já começa na cidade com o projeto Férias nos Museus que leva, além de visitantes e a população em geral, crianças dos Núcleos de Educação Infantil, com dias programados para visitação. Os pequenos já têm a oportunidade de aprender com o Museu da Música, Museu do Imigrante e Museu Casa do Poeta Lindolf Bell como parte da educação, garantindo o saber sobre o legado dos ancestrais.

Fevereiro tem muita música e um carnaval diferente

Festival de Rock reúne apreciadores do estilo – Foto: Divulgação/Turismo TimbóFestival de Rock reúne apreciadores do estilo – Foto: Divulgação/Turismo Timbó

No intenso calendário de Timbó, fevereiro é a vez da cultura musical, mostrando o que as bandas locais de rock estão produzindo. Roqueiros da cidade e regiões próximas se reúnem no Parque Henry Paul para mostrar suas produções, trocarem informações, venda de produtos do gênero, feira de vinil e outras atrações.

A entrada é gratuita e este evento se repete ao longo do ano, de acordo com as possibilidades do calendário.

Carnaval em Timbó tem aventuras na natureza – Foto: R2 ImagensCarnaval em Timbó tem aventuras na natureza – Foto: R2 Imagens

Um carnaval diferente acontece em Timbó. Também nos meses de fevereiro, a cidade é conhecida pelas experiências de aventuras em mais de 20 atrações e modalidades esportivas no Parque de Eventos Henry Paul. Este evento é especial, porque reúne esporte, saúde e solidariedade, com entrada gratuita.

Cultura é um dos pontos fortes do município. Outro evento em Timbó é o Café Musical, que reúne músicas variadas e de qualidade com gastronomia. No Museu da Música, os visitantes e apreciadores podem ouvir um ‘cardápio’ variado de estilos já pela manhã ou na hora do café, tudo de forma gratuita.

Café Musical ocorre várias vezes ao longo do ano – Foto: Paula LeitãoCafé Musical ocorre várias vezes ao longo do ano – Foto: Paula Leitão

O Café Musical é uma oportunidade de confraternizar entre amigos ou conhecer pessoas novas. A entrada é uma contribuição espontânea e este evento se repete várias vezes ao longo do ano.

Cultura e acesso gratuito à programação de Páscoa

Páscoa, momento especial para as famílias timboenses – Foto: R2 ImagensPáscoa, momento especial para as famílias timboenses – Foto: R2 Imagens

Para esta data festiva, a equipe de turismo de Timbó prepara muitas ações para as crianças. Não há limite para a imaginação: pintura facial, pintura de casquinhas, caça aos ovos, brincadeiras com a coelha e exposição de coelhos vivos que deixam os pequenos sempre encantados.

Claro que o aspecto cultural sempre está presente neste povo de tradições europeias: há muita dança, música, entre outras apresentações. O evento começa em março e segue até abril, no Parque Central, com entrada gratuita.

Pontos fortes de abril são a gastronomia e o chope

Festival de Cucas é atração na gastronomia em abril – Foto: Jéssica BolsoniFestival de Cucas é atração na gastronomia em abril – Foto: Jéssica Bolsoni

O Festival de Cucas é outra herança dos imigrantes e deve retornar com força, assim que as condições sanitárias permitirem. É uma oportunidade para se deliciar e degustar muitos tipos de cucas no Parque Henry Paul. Entrada gratuita.

É também em abril o evento que reúne todas as cervejarias artesanais de Timbó, o Festival das Cervejarias. Todos os anos este festival atrai um grande público, pessoas descoladas que curtem uma boa cerveja e um bom “rock n’ roll”.

Festival das cervejarias movimenta Timbó em abril – Foto: Jéssica BolsoniFestival das cervejarias movimenta Timbó em abril – Foto: Jéssica Bolsoni

Este evento já se transformou num dos principais do ano na região, reunindo, além dos melhores sabores de cerveja, muita música e gastronomia. Nele estão as cervejas timboenses premiadas mundialmente, com atrações para toda a família.

O Festival das Cervejarias acontece no Parque Central, com entrada gratuita.

Na dança, festival em maio é um dos destaques do ano

Festival de Dança tem participantes de nível nacional – Foto: Everton de VargasFestival de Dança tem participantes de nível nacional – Foto: Everton de Vargas

Este evento no Parque Henry Paul é um dos mais importantes do ano porque tem destaque nacional, considerado um dos maiores festivais de Santa Catarina. O que há de melhor na dança em vários estados está na cidade, em uma acirrada competição.

O ponto alto é a Seletiva para o Festival Internacional de Hip Hop, produzida por Octavio Nassur, jurado do Programa da Xuxa e Dança dos Famosos, que garante aos vencedores a participação na final em Curitiba. O evento tem duração de quatro dias e para este é cobrado ingresso.

Julho: para contemplar a natureza no Morro Azul

Balanço do Morro Azul encanta turistas de todos os lugares – Foto: Divulgação TimbóBalanço do Morro Azul encanta turistas de todos os lugares – Foto: Divulgação Timbó

O Morro Azul é um dos locais mais belos da região do Vale do Itajaí e o mês de julho reserva para a população e turistas, momentos de contemplação da natureza em uma caminhada com programação organizada pela equipe de turismo do município. A vista ao final desta caminhada compensa qualquer esforço. O local de concentração dos caminhantes é a Sociedade Duque de Caxias. Sem cobrança de inscrição.

Agosto é para os amantes da leitura e do canto

A Feira do Livro de Timbó é outro ponto forte do calendário anual. São cinco dias de oportunidades de acesso a obras, com programação recheada de concursos, teatro, contação de histórias e as mais diversas apresentações culturais. Este caldeirão cultural reúne em média 15 mil visitantes.

Momento especial na terra do escritor Lindolf Bell: a Feira do Livro – Foto: Waldemar NetoMomento especial na terra do escritor Lindolf Bell: a Feira do Livro – Foto: Waldemar Neto

A população já se envolve com o Timbó em Canto – Prêmio Estudantil da Canção –, que reúne o melhor da Música Popular Brasileira regional em duas categorias, dos 07 aos 17 anos. Sim, os jovens talentos da música também são despertados na agenda de eventos de Timbó. É no Parque Central, com entrada gratuita.

Festival de Canto também é realizado durante da Feira do Livro em Timbó – Foto: Waldemar NetoFestival de Canto também é realizado durante da Feira do Livro em Timbó – Foto: Waldemar Neto

Setembro tem a Noite dos Candelabros

Em setembro o Museu da Música de Timbó é todo preparado no estilo gótico para um momento especial do ano, quando comemora o seu aniversário com a Noite dos Candelabros.

Noite dos Candelabros com estilo gótico, lembra música barroca e renascentista – Foto: Divulgação Timbó

Nesta ocasião, as luzes são apagadas e há uma apresentação musical à luz de velas, remetendo o público à emocionante época renascentista e barroca. Entrada gratuita.

Outubro só é outubro com a Festa do Imigrante!

O ponto alto da celebração dos imigrantes e colonizadores é o mês de outubro, já consagrado nos lugares que carregam a história da bagagem europeia.

Desfile alegórico homenageia imigrantes e colonizadores europeus – Foto: Tainá ClaudinoDesfile alegórico homenageia imigrantes e colonizadores europeus – Foto: Tainá Claudino

Timbó aparece forte no circuito das ‘Octobers’ com programação de tirar o fôlego dos mais animados. As culturas italiana e alemã reúnem milhares de pessoas para seus desfiles, bailes típicos, tarde folclórica e dos clubes de caça e tiro, farta gastronomia típica, café colonial e escolha da rainha da Festa. Não há cobrança de ingressos e a diversão é garantida em todos os dias. Local: Parque Henry Paul.

Grande desfile envolve a comunidade timboense e região no mês de outubro – Foto: R2 ImagensGrande desfile envolve a comunidade timboense e região no mês de outubro – Foto: R2 Imagens

Tudo sobre bikes e muitas atividades em novembro

A ExpoBike é outro momento que faz do turismo em Timbó ser tão forte. Considerado o maior evento reunindo o segmento de duas rodas, a feira ocorre no Pavilhão de Eventos Henry Paul. As atrações são inúmeras, com destaque para artigos ligados ao mundo das bikes.

Parque Henry Paul recebe visitantes para a ExpoBike – Foto: Waldemar NetoParque Henry Paul recebe visitantes para a ExpoBike – Foto: Waldemar Neto

O momento é para uma imensa troca entre expositores entre si e o público, com exposição fotográfica, exposição de bicicletas antigas, cervejarias artesanais, passeio de helicóptero, encontro de carros antigos, apresentações culturais, shows com diversas bandas, cãominhada, aulão funcional, aulão de zumba, espaço kids e praça de alimentação.

Muitos ciclistas participam da feira que tem tudo sobre bikes e competição – Foto: Turismo TimbóMuitos ciclistas participam da feira que tem tudo sobre bikes e competição – Foto: Turismo Timbó

Vale destacar o Desafio Vale Europeu das Estações, a competição que reúne mais de mil atletas nas mais diversas categorias. A ExpoBike é um evento para toda família. A entrada é gratuita.

Os encantos do Natal e do Rèveillon

Cenas emocionam no ‘Natal Encantado’ de Timbó – Foto: Carol SperbCenas emocionam no ‘Natal Encantado’ de Timbó – Foto: Carol Sperb

Como toda a cidade que valoriza as atividades turísticas, as festas de fim de ano não poderiam ser diferentes em Timbó. É momento de celebração, que deve voltar com muita força e de novas formas depois da crise sanitária no mundo inteiro.

Mas é claro, este é um dos eventos mais esperados do ano pelos timboenses.

Para fechar o calendário, o município prepara tradicionalmente belíssimos cenários com luzes e grandes adornos natalinos. Anjos, noéis e presépio misturam-se a outras peças decorativas muito bem elaboradas para encantar a todos.

Evento de Natal é um dos mais esperados do ano – Foto: Tainá Claudino dos SantosEvento de Natal é um dos mais esperados do ano – Foto: Tainá Claudino dos Santos

No palco principal, reúnem-se cerca de 1300 cantores, coralistas, bailarinos, atores e músicos em todos os fins de semana. Na Casa do Papai Noel, não falta a presença do bom velhinho distribuindo balas aos pequenos.

Parque Central é palco da grande festa da virada, com show nacional – Foto: R2 ImagensParque Central é palco da grande festa da virada, com show nacional – Foto: R2 Imagens

Há um show nacional e a festa da virada, pontos altos das festividades, no Parque Central.

Antes da pandemia, o calendário foi marcado por atrações nacionais na festa da virada – Foto: R2 ImagensAntes da pandemia, o calendário foi marcado por atrações nacionais na festa da virada – Foto: R2 Imagens

Prefeitura Municipal de Timbó

Turismo no município

  • Simplifica Timbó
  • Rua Japão, 408 – Bairro das Nações
  • Telefone: (47) 3380-7900
  • simplifica@timbo.sc.gov.br
  • HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
    Das 8h às 17h, sem fechar para almoço

Explore mais conteúdos da cidade