Entenda a triste ‘coincidência’ por trás da morte da diretora do filme de Alec Baldwin

Halyna Hutchins, 42 anos, foi morta pelo ator durante gravações de "Rust", trama estrelada e produzido pelo ator

Uma triste coincidência marca a morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins, 42, nesta quinta-feira (21). A profissional foi morta pelo ator Alec Baldwin, 48, com uma arma cenográfica durante as filmagens de “Rust”, filme que conta a história de fuga de um garoto após uma acusação por morte acidental.

Filme estrelado por Alec Baldwin conta a história de uma fuga após acusação de morte acidental – Foto: Montagem/NDFilme estrelado por Alec Baldwin conta a história de uma fuga após acusação de morte acidental – Foto: Montagem/ND

As gravações foram iniciadas em outubro e estavam programadas para seguirem até novembro.

O elenco tem ainda a atriz britânica Frances Fisher, conhecida por seu papel como Ruth DeWitt Bukater, a mãe de Rose (Kate Winslet) no filme “Titanic” (1997). Além de estrelar o filme, como avô do garoto em fuga, Baldwin também é coprodutor.

Os dois passam a ser perseguidos pela polícia e por um caçador de recompensas Travis Fimmel. Durante a fuga, um vínculo familiar começa a ser firmado, em busca da sobrevivência.

O incidente aconteceu no Novo México, nos Estados Unidos, onde o filme de velho oeste era filmado. Conforme a CNN, ela foi baleada por volta das 13h50 de quinta-feira (21), horário local. A diretora chegou a ser transportada de helicóptero a um hospital, mas morreu.

O diretor Joel Souza, de 48 anos, também foi baleado por Baldwin, mas sobreviveu.

A trama começou a ser gravada em outubro de 2021. Agora, com a morte de Halyna, a produção foi paralisada. A polícia está invesgando como e que tipo de munição foi disparada.

Segundo o site IMDb, a diretora ucraniana atuava em curtas, produções na TV e em filmes desde 2012, creditada em 49 produções.

+

TV

Loading...