Ex-mulher de Tom Veiga fala sobre acusação de envenenamento

Cybelle afirma que vai provar a verdade na Justiça através do processo de partilha de bens; ela foi a última mulher de Tom

Em sua página no Instagram, Cybelle Hermínio, última mulher de Tom Veiga, intérprete do famoso Louro José, relatou a sua versão sobre as acusações de agressão que teriam levado à separação dela com o ator, além das acusações de envenenamento contra Tom.

Ela afirmou em seus stories que vai provar a verdade através do processo de partilha de bens.

Cybelle e Tom VeigaO ator morreu em novembro de 2020 – Foto: Reprodução Instagram

“Eu fui escrachada, mas respeitei meu tempo e fiz o que achava certo. Não tem pergunta difícil para quem tem a verdade consigo. Estou fazendo isso para vocês me conhecerem sem a influência da TV”, disse ela em vídeo.

Cybelle disse que concorda com a ideia de provar sua inocência em relação às suspeitas de envenenamento. “Vamos descobrir a verdade. Isso é importante. Eu quero saber quem me acusa, porque a família disse que nunca me acusou”, disse.

O ator morreu em novembro de 2020 e, em abril deste ano a suspeita de envenenamento veio à tona. Tom tinha 47 anos e deixou quatro filhos. O laudo médico, na época da morte, indicou que a causa teria sido um AVC (Acidente Vascular Cerebral).

A suspeita de envenenamento fez a família pedir exumação do corpo e as investigações estão em andamento.

+

TV