Morre o apresentador e humorista Jô Soares, aos 84 anos

Jô estava internado e faleceu nesta madrugada; o falecimento foi confirmado pela ex-mulher do humorista

Nesta sexta-feira (5), morreu o apresentador e humorista Jô Soares, aos 84 anos.  Jô estava internado no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. A informação foi divulgada por Flávia Pedras Soares, no Instagram. Ela foi ex-mulher do artista.

Jô estava internado desde o fim de julho (Reprodução) — Foto: Internet/Reprodução/NDJô estava internado desde o fim de julho (Reprodução) — Foto: Internet/Reprodução/ND

A causa da morte ainda não foi divulgada. O velório será restrito aos familiares e amigos próximos do artista.

“Você é orgulho para todo mundo que compartilhou de alguma forma a vida com você. Agradeço aos senhores Tempo e Espaço, por terem me dado a sorte de deixar nossas vidas se cruzarem”, escreveu Flávia.

Viva o Gordo: a carreira de Jô Soares

José Eugênio Soares, ou apenas Jô Soares, como ficou conhecido, nasceu em 16 de janeiro de 1938, no Rio de Janeiro, filho do empresário paraibano Orlando Heitor Soares e de Mercedes Leal Soares. Ele teve uma carreira gloriosa. Era apresentador, humorista, ator, escritor e diretor.

Seu primeiro papel foi no filme “O Homem de Sputnik (1958)”. Três anos depois estreou na Record. Na emissora, atuou em programas como ‘A Família Trapo (1966)’ e ‘Jô Show’.

Ao longo dos anos ele passou por grandes emissoras do país, como Record, Globo e Sbt.  Entre os shows televisivos que comandou mais estão o humorístico Viva o Gordo e seus programas de entrevistas Jô Soares Onze e Meia, no SBT, e Programa do Jô, na Globo. Este último ficou no ar por 17 anos, de 2000 a 2016.

Como apresentador, seu último trabalho foi na Globo, onde apresentou de 2000 até 2016, o Programa do Jô. Com a atração de grande sucesso, em que entrevistava famosos e anônimos,  Jô Soares alcançou  o posto de principal apresentador de talk show do país.

Em 2016 decidiu encerrar o programa, desde então longe da TV, ele se dedicava à escrita de livros.

Homenagens

Pelas redes sociais, amigos e fãs prestam homenagens a Jô Soares.

“O Brasil perdeu hoje um artista único, um comediante que amava seu ofício acima de tudo, um ator fora de série”, escreveu Zélia Duncan.

+

TV

Loading...