Audiência pública debate implantação do Emissário Submarino em Florianópolis

Balanço Geral Florianópolis

De segunda a sábado, às 11h50

Uma audiencia pública reuniu moradores, associações, autoridades do IMA (Instituto do Meio Ambiente) e a Casan (Companhia Catarinense de Águas e Saneamento) para discutir o projeto do sistema de disposição oceânica do Sul da Ilha, também conhecido como Emissário Submarino.

O projeto, que irá custar cerca de R$ 190 milhões, é uma tubulação que leva o efluente final de uma estação de tratamento de esgoto a um local que possua condições ambientais favoraveis para a assimilação pela natureza.

A diretora da AMOCAM (Associação de Moradores do Campeche), Roseane Panini, se manifestou contra o projeto, afirmando que existem outras soluções que seriam mais eficazes para o esgotamento do Sul da Ilha.

Mais vídeos