Fortaleza de Anhatomirim, em Governador Celso Ramos, pode receber reconhecimento internacional

Balanço Geral Florianópolis

De segunda a sábado, às 11h50

A Fortaleza de Santa Cruz em Anhatomirim, que começou a ser erguida em 1739, e neste ano completa 280 anos, integra uma lista seleta apresentada na Unesco para se tornar patrimônio da humanidade.

A estrutura que recebe cerca de 100 mil visitantes por ano e tende a ter um aumento neste número ao longo dos anos, deixa os turistas encantados com a beleza do local.

O que chama atenção na construção são os muros baixos, que foram uma estratégia para que os inimigos vindos do alto mar percebessem a presença da Fortaleza que era o quartel da tropa, e fossem embora com medo de que muitos homens poderiam estar protegendo o local.

A Fortaleza de Santa Cruz foi tombada como patrimônio artístico e nacional em 1938, ficou anos abandonada, até que em 1970 passou a ser responsabilidade da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e precisou ser restaurada para conservar a história.

Mais vídeos