Moradores reclamam da sujeira deixada por donos de pets no Parque de Coqueiros, em Florianópolis

Balanço Geral Florianópolis

De segunda a sábado, às 11h50

Atividade comum na rotina dos catarinenses, o passeio com animais de estimação traz benefícios para cães que convivem em locais fechados, como casas e apartamentos. A rotina, porém, tem prejudicado frequentadores de parques e praças na Capital catarinense. No Parque de Coqueiros, frequentadores reclamam dos dejetos de cachorros deixados no local.

Utilizado por moradores locais e turistas – inclusive os que não possuem animais de estimação – o parque possui pista para caminhada, parque infantil, quadras esportivas e pet place, espaço exclusivo para os animais. De acordo com pessoas que costumam ir ao local, até mesmo a área destinada aos cães chega a não ser utilizada, por conta da quantidade de fezes deixadas pelos donos dos pets.

O problema é uma reclamação recorrente da Associação de Moradores da região. Em nota, a Secretaria do Continente afirmou que está estudando a possibilidade de instalar um ‘totem’ com regras de como utilizar o local, além de parcerias com pet shops para a distribuição de saquinhos para o recolhimento de dejetos.

As regras seriam divulgadas em um espaço de nome “Pooblicão”, com divulgação de campanhas educativas e mídias comerciais. Os saquinhos para recolhimento das fezes seriam fabricados em material ecologicamente correto, disponibilizados em dispensers instalados em diversos pontos da cidade.

Além dos dejetos não recolhidos, a falta de vacinação, vermífugos e antipulgas nos animais também pode causar enfermidades, inclusive àqueles que frequentam o parque. Entre as doenças mais comuns, estão a toxoplasmose, ancilostomíase (bicho geográfico), leptospirose e até mesmo raiva, podendo atingir, além dos adultos, crianças e idosos que tenham contato com áreas contaminadas.

Mesmo com a criação do pet place, o Parque de Coqueiros não possui limitações quanto ao uso das demais áreas por donos com animais de estimação. Espaços com gramado e pista de caminhada também costumam ser frequentados pelos cães, cabendo aos donos se responsabilizarem pela sujeira deixada irregularmente no local.

Mais vídeos