Lei prevê multa para trotes a orgãos de atendimento de emergência

Balanço Geral Florianópolis

De segunda a sábado, às 11h50

Foi sancionado pelo governador Carlos Moisés, o projeto de autoria do deputado estadual, Sergio Motta, que prevê multa para trotes efetuados aos órgãos de atendimento de emergência, criando a lei 17.787, De 1º de novembro de 2019.

A nova medida administrativa institui a punição para quem praticar trotes via telefone com profissionais do SAMU ( Serviço de Atendimento Médico de Urgência), do Centro de Operações da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros, das Delegacias de Polícia e da Defesa Civil.

Agora, as empresas de telefonia terão que informar os dados dos proprietários dos telefones que originarem chamadas de trote, para o envio da notificação. A multa prevista pela lei é de R$ 500.

Foi publicada no diário oficial de santa catarina desta segunda-feira lei que prevê multa de r$ 500 aos que se acham engraçadinhos, mas que só atrapalham o importante trabalho desenvolvido pelas forças de emergências do estado.

Mais conteúdo sobre

Mais vídeos