Casal que levava vida de luxo cometendo crimes é preso no Vale do Itajaí

SC no ar

De segunda a sexta, às 7h

A Polícia Civil do Vale do Itajaí prendeu um casal acusado de levar uma vida de ostentação às custas de fraudes. Eles teriam desviado mais de R$ 1,3 milhão de uma empresa do município de Ascurra.

De acordo com o delegado da Polícia Civil, Ronnie Esteves, o esquema já teria começado em 2015 onde houve uma auditoria nesta empresa. Em 2017 a informação chegou à delegacia de polícia e foi instaurado inquérito em razão da suspeita de um desvio milionário.

Ainda segundo Esteves, havia uma pessoa sendo investigada por esse desvio. Uma funcionária responsável pelo setor financeiro era responsável por fraudar boletos, a empresa tinha alguns fornecedores. Percebendo a facilidade para gerar esses boletos, para pessoas jurídicas, lesadas, poderem pagar.

Diante do conhecimento que ela tinha e da confiança que os sócios depositavam nela, ela passou a fraudar esses boletos em nome de parentes. Ainda de acordo com o delegado, ela, junto com o companheiro, constituiu uma pessoa jurídica com um nome muito similar ao fornecedor dessa lesada para poder receber o maior volume de recursos desviados dessa empresa vítima deste esquema criminoso.

Mais conteúdo sobre

Mais vídeos