Justiça determina pagamento de indenização para homem atingido por incêndio em delegacia de Brusque

SC no ar

De segunda a sexta, às 7h

O caso aconteceu na cidade de Brusque em 2011, um homem que havia sido detido há poucos minutos, por causa de um desentendimento familiar, estava na cela onde o incêndio iniciou.

O fogo se alastrou rapidamente, deixando q vítima gravemente ferida, segundo a investigação, demorou cerca de dois meses para que ele tivesse os ferimentos estabilizados e permaneceram várias cicatrizes no corpo.

Para chegar a decisão de indenizar o rapaz em R$ 30 mil a ser pago pelo Estado, a justiça analisou duas situações. Na primeira foi alegado que não havia comprovação de que o fogo teria sido causado pela própria vítima, como afirmou inicialmente o Estado.

Na segunda, a justiça concluiu que o Estado é responsável pelas pessoas que estão sob sua tutela, já que o homem estava dentro da cela da delegacia no momento em que foi atingido pelas chamas.

A decisão foi julgada na última quinta-feira (15), mas a ação ainda cabe recurso.

Mais vídeos