Hospital Ruth Cardoso suspende atendimentos de dois setores devido a superlotação

SC no ar

De segunda a sexta, às 7h

Devido a superlotação, o hospital Ruth Cardoso, em Balneário Camboriú, anunciou a suspensão de alguns atendimentos. Esse procedimento trata de dois setores específicos, que são interligados. São o centro obstétrico e a UTI Neonatal.

Na manhã desta segunda-feira (20) a Secretaria de Saúde de Balneário Camboriú emitiu uma nota afirmando que das dez gestantes internadas no centro obstétrico, oito eram de alto risco.

Uma gestante de alto risco precisa de um atendimento especializado, tendo disponível para ela um leito de UTI Neonatal. Geralmente os bebês deste tipo de gestação precisam de um atendimento especializado.

Leia também:

O Ruth Cardoso tem seis leitos de UTI Neonatal, porém, nesta segunda-feira (20), onze bebês estavam internados nesta unidade e haviam outras sete mães nesta situação para dar a luz.

Por uma questão de segurança, também no atendimento para estas pacientes, novos atendimentos nesses dois setores foram suspensos pelo período de 48 horas.

Gestantes que chegam até o hospital para ter parto normal ou nenhum tipo de complicação, continuam sendo atendidas. Apenas os casos de alto risco não poderão ser atendidos no local.

Mais conteúdo sobre

Mais vídeos