Motorista invade calçada, mata mulher e foge sem prestar socorro no Sul de SC

SC no ar

De segunda a sexta, às 7h

Um motorista invadiu a calçada, matou uma mulher que seguia para o trabalho e fugiu sem prestar socorro. O caso foi registrado na cidade de Criciúma, no Sul de Santa Catarina.

Uma câmera de vigilância flagrou o momento do crime. A vítima, Ediane da Cunha Medeiros, tinha 26 anos de idade. O atropelamento aconteceu pouco antes das 6h de domingo (11). Ediane trabalhava como vigilante e faltavam poucos metros para ela chegar a empresa e assumir o turno.

Em depoimento, o motorista alegou que não viu ninguém, por isso não parou para prestar socorro. Ele invadiu a contramão, subiu a calçada e antes de atingir a vítima, bateu em uma placa de sinalização.

Vizinhos se assustaram com o barulho

A vítima chegou a ser arrastada antes de cair em frente ao portão da casa do eletricista, André Neves. Segundo ele, a família acordou assustada com o barulho. “Quando saímos na porta para ver o que havia acontecido, vimos o corpo dela [Ediane] no chão”, relatou.

Ediane era casada, tinha um filho de cinco anos, e mais dois enteados. O motorista tem 21 anos e foi indentificado depois que a Polícia Civil localizou o carro, por denúncia anônima. A violência da batida amassou a parte da frente do veículo.

Suspeito teria ingerido bebida alcoólica

Segundo o delegado Fernando Possamai, o suspeito confirma ter saído de um estabelecimento comercial [uma festa], e teria ingerido bebida alcoólica, antes do ocorrido.

A advogada e o pai do motorista, ao saírem da delegacia, não quiserem dar entrevista. Como não houve flagrante, o jovem deve responder ao processo, inicialmente, em liberdade.

Mais conteúdo sobre

Mais vídeos