Conteúdo por Gazeta Esportiva

Federação Internacional de Vôlei lança fundo de apoio financeiro aos atletas

A Federação Internacional de Vôlei (FIBV) anunciou nesta terça-feira a criação de um fundo de apoio aos atletas afetados financeiramente pela paralisação do esporte, em decorrência da pandemia do coronavírus.

A ideia é fornecer um auxílio aos jogadores de vôlei de quadra e de praia que passam por dificuldades, devido ao adiamento ou cancelamento de competições. O objetivo do fundo é cobrir os gastos com necessidades básicas, como alimentação, cuidados familiares e moradia.

Cada indivíduo terá que passar por um processo de inscrição online e será julgado a partir dos critérios de elegibilidade estabelecidos pelo Comitê Executivo da Federação.

Esse processo será liderado pela Comissão de Atletas da FIBV, presidida pelo brasileiro Giba. “Temos desempenhado um papel fundamental na criação do Fundo de Apoio a Atletas, e estou incrivelmente feliz por termos conseguido uma comunicação tão aberta e honesta com a FIVB. Agora, ouvindo as vozes de nossos atletas, podemos oferecer ajuda e continuar a apoiá-los durante esse período”, afirma o ex atleta.

“A FIVB tem consciência de quanto tempo e dedicação cada jogador de vôlei e vôlei de praia dá ao nosso esporte. Eles são o coração e a alma do vôlei e, sem eles, o esporte não seria o sucesso global que é. Também entendemos perfeitamente que, para alguns, o adiamento ou cancelamento necessário dos eventos da FIVB terá um impacto significativo em suas vidas cotidianas”, ressalta Ary Graça, presidente da Federação.